Seresto coleira 4,50 g + 2,03 g para cães > 8 kg

Seresto 4.5 g + 2.03 g 1 coleira medicamentosa
Imagem Ilustrativa
Medicamento veterinário para cães com mais de 8 kg, indicado no tratamento e prevenção de infestações por pulgas e carraças.
7452011
Seresto coleira 4,50 g + 2,03 g para cães > 8 kg apresenta uma eficácia acaricida (mata) contra infestações por carraças e uma eficácia repelente (impede a alimentação) persistente contra infestações por carraças durante 8 meses. É eficaz contra larvas, ninfas e carraças adultas.
Protege o ambiente envolvente do animal contra o desenvolvimento das larvas de pulga durante 8 meses.
Por norma, a eliminação das carraças já presentes no animal e a prevenção de novas infestações por carraças inicia-se nos dois dias após a colocação da coleira e prolonga-se por um período de 8 meses.
O medicamento veterinário pode ser utilizado como parte de uma estratégia de tratamento para o controlo da Dermatite Alérgica a Picada de Pulga (DAPP).

Titular:
Bayer Portugal, Lda.
Rua Quinta do Pinheiro, 5
2794-003 Carnaxide

Número da Autorização de Introdução no Mercado:
365/04/11DFVPT (15 de junho de 2016.)
Substâncias ativas (por coleira):
Imidaclopride (4,5 g)
Flumetrina (2,03 g)

Excipientes:
Dióxido de titânio (E171)
Óxido de ferro negro (E172)
Adipato de dibutilo
Dicaprilocaprato de propilenoglicol
Óleo de soja epoxidado
Ácido esteárico
Policloreto de vinilo
Conserve à temperatura ambiente (< 25 ºC), ao abrigo da luz e da humidade
Aplique uma coleira por animal.

Antes da utilização retire diretamente a coleira do saco. Desenrole a coleira e verifique que não há restos de plástico agarrados à coleira.
Ajuste a coleira à volta do pescoço do animal sem apertar demasiado (como orientação, deve deixar-se uma folga suficiente de modo a que entre o pescoço e a coleira caibam 2 dedos).
Puxe a coleira pela argola e corte o excesso do comprimento deixando 2 cm a seguir à argola.
A coleira deve ser usada continuamente durante o período de proteção de 8 meses e deve ser removida após o período de tratamento. Verifique periodicamente e ajuste se necessário, principalmente quando os cachorros crescem rapidamente.
Não tratar cachorros com idade inferior a 7 semanas.
Não aplicar em caso de hipersensibilidade conhecida às substâncias ativas, ou a algum dos excipientes.
Coloque a coleira preferencialmente antes do início da época das pulgas ou carraças.
Deve evitar-se a exposição intensa, prolongada à água ou a lavagem extensiva com champô porque a duração da atividade pode ser reduzida.
Não deixe as crianças pequenas brincar com a coleira ou colocá-la na boca.
Os animais que usam a coleira não devem dormir na cama com os seus donos, especialmente as crianças.
Deite fora imediatamente quaisquer restos ou pedaços cortados da coleira.
Lave as mãos com água fria após a colocação da coleira.
Entre as reações adversas raras, podem ocorrer alterações comportamentais moderadas, que podem incluir coçar o local da aplicação, nos primeiros dias após a colocação da coleira e podem ocorrer sintomas neurológicos como ataxia, convulsões e tremores.
Entre as reações adversas raras, podem ocorrer inicialmente reações ligeiras e transitórias como depressão, alteração do apetite, salivação, vómitos e diarreia, e podem ocorrer no local de aplicação reações moderadas como prurido, eritema e perda de pelo.
Entre as reações adversas extremamente raras, podem ocorrer reações no local de aplicação como dermatite, inflamação,
eczema ou lesões.
Medicamento Veterinário Não Sujeito a Receita Médica
Leia atentamente o folheto informativo e em caso de dúvida ou de persistência dos sintomas consulte o seu médico ou farmacêutico.